Inglês expõe a mentira dos comerciais de absorventes – e ganha uma resposta da CEO.

Ah, os comerciais de absorvente. Eu, como mulher, sempre fiquei indignada ao ver aquelas malditas mulheres na TV, dançando, andando de bicicleta, desfilando por aí como se o mundo estivesse perfeito – mesmo ela estando “naqueles dias”. Mas como publicitária, entendo. Afinal, mostrar a verdade nos comerciais (a horrível verdade), apesar de divertir o público, talvez não ajudasse as vendas (talvez. Ainda tenho minhas dúvidas).

O inglês Richard Neil também pensa assim (ok, tem alguém que acredita nesses comerciais?). E resolveu dar uma trollada na fanpage de uma marca de absorventes famosa da Inglaterra, a Bodyform. O texto original está escrito na imagem acima. Aqui, está a tradução livre:

“Olá, como um homem, eu preciso perguntar por que vocês mentiram para nós por todos esses anos. Quando eu era criança, assistia os comerciais com muito interesse, pensando em como essa época do mês devia ser maravilhosa, já que a mulher pode aproveitar tantas coisas, e eu sentia um pouco de inveja. Quer dizer, achava que elas andavam de bicicleta, montanha russa, dançavam, pulavam de para-quedas…por que eu não podia aproveitar tudo isso, junto com aquele líquido azul e a leveza? Maldito pênis! Aí eu arranjei uma namorada e mal podia esperar para poder aproveitar essa maravilhosa época do mês….e descobri a mentira! Não tinha a alegria, os esportes radicais, sem liquido azul passando por asas e muito menos uma trilha sonora fodida, ah, não não não. Ao invés disso, eu tive que lutar contra todas as minhas necessidades masculinas e não podia gritar “oooooooh, bodyform, bodyformed para você” enquanto ela se transformava de uma mulher amável, gentil e com um tom de pele normal para a mulher do exorcista, com veneno incluso e o giro de 360º da cabeça. Muito obrigada por me fazer cair na mentira, Bodyform”.

Como vocês podem ver, o post rendeu quase 79 mil likes. Por que bom, vamos combinar…é verdade.

O que ninguém esperava era que a Bodyform respondesse – e mais ainda, que a CEO da empresa respondesse, “agradecendo” Richard por trazer a verdade ao mundo, num humor típico inglês.

Update: o pessoal foi bem legal e compartilhou o vídeo legendado (que eu não tive a capacidade de achar rs) ;) valeu, gente!

E isso, meus queridos, é um exemplo de uma marca transparente (ok, comerciais fictícios à parte), que não tem medo de mostrar o que realmente é e que realmente sabe como utilizar as redes sociais.

About Janaina Marin

view all posts

Formada em Publicidade e Propaganda pela Universidade Metodista de São Paulo. Apaixonada por internet, marketing, qualquer tipo de arte - principalmente cinema - e ciências. Curiosa, extremamente curiosa :)

0 Comments

Join the Conversation →

  1. Ouch! Ái, caramba rss

    Alexo MelloNo Gravatar /
  2. A versão legendada: http://www.youtube.com/watch?v=kh4UrnW1gQI

    Douglas MilaniNo Gravatar /
  3. Richard, a CEO não é a CEO de verdade, viu!

    AC da LuaCNo Gravatar /
  4. Caraca….. alguém tem que dizer pra o Richard de onde saem os bebes, ele não deve saber, e tbém dizer a ele que o papel (tv, cinema, radio, jornal) aceita tudo, mas isso não quer dizer que expressa a verdade, será que nunca viu a mãe ou a irmã de cama por causa de cólicas…. achei ridículo e infantil a atitude do tal Richard…..

    Rosangela ColtreNo Gravatar /
  5. kkkkkkkkkkk

    KenyNo Gravatar /
  6. As Estratégias de Marketing, são simplesmente Geniais, vamos combinar.
    A Publicidade cria, e o público acredita simplesmente ser a pura verdade.
    Amo minha Profissão.

    JeffersonNo Gravatar /

Deixe uma resposta