Entenda esses “truques” das passagens aéreas e pague mais barato nas suas viagens.

As passagens aéreas não possuem um valor fixo, podendo ser diferenciadas em diversos momentos e ocasiões, como feriados, finais de semana, datas especiais e quantidade de passagens já vendidas.
Os valores das passagens seguem uma questão de lógica, que se você conseguir entendê-las, certamente vai começar a viajar pagando bem menos que a maioria das pessoas.

Uma pessoa pode pagar um preço completamente diferente de outra em um mesmo vôo, com mesmo destino e serviço oferecido. Essas variações podem ser grandes e muitas pessoas podem se sentir injustiçadas, sabendo que a pessoa da poltrona ao lado comprou uma passagem em até 70% mais barata que ela.

Qual é a lógica para entender e pagar menos?

O primeiro passo é entender que as companhias aéreas podem dividir espaços dentro do avião em diferentes setores. Assim, para evitar que o avião faça um vôo com as poltronas vazias (que seria um prejuízo para a companhia), a empresa pode iniciar a venda de parte de passagens por um valor muito baixo.

Por exemplo: A companhia pode estabelecer que 10 poltronas custarão um preço X, mais 20 assentos com um valor um pouco superior, e 50 lugares com preços ainda mais caros.

Assim, a primeira dezena de pessoas que conseguiram comprar uma passagem com um preço mais acessível, viajará do lado de um passageiro que não conseguiu arrumar a tempo um assento com o mesmo preço, assim, terá que viajar pagando mais.

Chamada de Yield Management ou Revenue Management, essa prática começou a ser percebida nos anos 80 e até hoje é comum na compra de passagens aéreas e redes hoteleiras. Esse termo americano é como o “Lei da oferta e da procura”, utilizado aqui no Brasil.
Com isso, quem planeja toda sua viagem com antecedência, consegue de maneira muito mais fácil, comprar passagens promocionais, já que pode acompanhar durante um período de tempo maior as variações de valores e os descontos oferecidos pelas companhias.

Se você tem a possibilidade de alterar os dias, tente pesquisar passagens para o mesmo destino, em dias próximos, começando sempre na segunda e terminando na quinta. Você terá mais chances de conseguir entrar em um grupo de passagens mais baratas, e em muitas vezes com poucos dias de diferença.

Existem diversos aplicativos e sites que te auxiliam na hora de comprar uma passagem a longo prazo, sem precisar ficar minuto a minuto atualizando.
São eles:

Kayak
Decolar
Melhores Destinos
SkyScanner

Meses para viajar mais barato:

Os períodos após as férias são sempre os mais barato para se viajar. Com a volta as aulas e ao trabalho, as companhias fazem promoções para não cair o rendimento comercial, podendo receber diversos descontos.
O ideal é planejar uma viagem 3 meses antes da data de partida, tentando sempre encaixar seu projeto em meses como Março, Abril, Maio, Agosto, Setembro e Outubro.

Melhores e piores meses para viajar em diferentes destinos:

E aí, gostou das dicas?
Compartilhe com seus amigos!

About Stifler Mendes

view all posts

Blogueiro e fundador dos sites Criatives, DesignBrain e Curiozo com Z. Formado em Desenvolvimento Web e Design Gráfico, morador de São José dos Campos, apaixonado por séries e Counter Strike ♥