Página criativa mostra como podemos aprender história com Memes.

O meme é uma forma de humor em foto ou vídeo que busca expor momentos do dia a dia de forma engraçada. O conceito vem do grego que significa imitação e teria sido criado pelo zoólogo e escritor Richard Dawkins, em 1976, quando escreveu o livro “The Selfish Gene”. Nele o autor fala que os genes são memes que se multiplicam e se espalham rapidamente sendo esse comportamento a base da evolução humana.

Aproveitando o momento de ascensão desse tipo de comunicação, alguns jovens apostaram em criar páginas nas redes sociais. É o caso de Leandro Marin Santos, cursando História na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro , 21 anos, que no ano passado começou a sua por enxergar que os memes podem ser um novo método de aprendizagem. “Acho muito importante tentar passar os conteúdos das matérias de forma mais ‘relaxada’ e de um jeito que junte o mundo dos jovens, que no caso amam memes, com o mundo acadêmico”.

 

O jovem, que é dono da página História no Paint que já tem 500.000 seguidores no Facebook, diz que sua experiência escolar foi um desastre e que passou sua vida indo a escola sem ter vontade de estudar. Ele sempre se sentia desanimado, pois não conseguia entender o conteúdo. Isso só mudou depois de começar a questionar tudo a sua volta algo que só poderia ser compreendido com uma certa base de conhecimento. “Comecei a ler livros de História e Filosofia e isso mudou minha vida”, afirma.


Leandro Marin – Fundador da página História do Paint.

Desde a criação da página, Leandro conta que tem tido ótimos resultados e recebe centenas de mensagens por dia de adolescentes agradecendo pela ajuda no entendimento da matéria. Além de alunos de todos os estados, professorem também o parabenizam pelo trabalho e dizem que passaram a usar os memes tanto em sala de aula como explicação quanto passaram a elaborar questões usando esse artifício.

Ámínom de Souza que leciona História no colégio Efraim em São Luís do Maranhão é um deles. Ele diz que assim que passou a usar os memes nas provas e percebeu que isso acabava aliviando seus alunos da tensão. Desde então, as notas passaram a melhorar, pois as imagens servem para facilitar a memorização. “As questões com memes serviram para reduzir a quantidade de erros nas provas”.

O professor comenta também que passou a usar esse método como forma de aproximação com algo que é do universo dos jovens e que se faz importante para todos os que escolheram lecionar História. “Tem que alcançá-los na perspectiva daquilo que lhes mais convém: um mundo cada vez mais iconográfico”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

About Stifler Mendes

view all posts

Blogueiro e fundador dos sites Criatives, DesignBrain e Curiozo com Z. Formado em Desenvolvimento Web e Design Gráfico, morador de São José dos Campos, apaixonado por séries e Counter Strike ♥