Esse homem pedalou 3.600 KM para encontrar e viver o grande amor da sua vida.

Muita gente acredita que belas histórias de amor acontecem somente em literaturas ou filmes, mas, a verdade, é que muitas delas são inspiradas em fatos reais, ou seja, belas histórias de amor existem sim!

Uma prova disso é o casal a seguir, de início, parecia um amor impossível e problemático, porém, todas as diferenças e dificuldades foram superadas pelo sentimento verdadeiro que um sentia pelo outro.

Foi no ano de 1975 que Pradyumna Kumar Mahanandia e Charlotte Von Schedvin se conheceram, o rapaz era pobre e estudava Artes da Índia, sempre era humilhado e discriminado por pertencer as mais baixas castas de seu país.

Em contra partida, Charlotte sempre teve uma vida de princesa, pois pertencia a nobreza da Suécia e estava apenas de turista na Índia junto com as amigas. O encontro do casal foi em uma praça de Nova Délhi, quando a jovem pediu ao rapaz para que ele desenhasse um retrato seu, a conexão entre ambos foi imediata, assim como nos filmes, amor a primeira vista.

Eles deram uma oportunidade ao amor e se deixaram levar. Com poucos dias de relacionamento ela foi conhecer os pais de Kumar, para que eles lhes oferecessem a bênção, e tiveram um mês de romance em terras indianas, até que ela teve de voltar para sua casa na Suécia.

Ele não conseguiu acompanhá-la nessa oportunidade porque ainda precisava finalizar seus estudos. Depois de um ano, e com o pouco dinheiro que ele possuía, comprou uma bicicleta e sem pensar duas vezes foi ao encontro de sua amada.

Ele precisou pedalar mais de 3600km, atravessou oito países e depois de quatro longos meses finalmente chegou em seu destino, na cidade de Gotemburgo, para que assim começasse uma vida ao lado da mulher que tanto ama.

Dois anos depois aconteceu o casamento e tiveram dois filhos: Karle e Emilie. Atualmente, já são mais de 43 anos de união, ele se transformou em um reconhecido artista na Suécia e, junto com sua esposa, oferecem bolsas de estudos culturais para os indianos de castas mais baixas e que sofrem preconceito, assim como ele na sua juventude.

A história é tão apaixonante que foi narrada no livro “A incrível história do homem que pedalou da índia até a Europa por amor”, de J. Anderson. O livro, em breve, se tornará um filme.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.