Essa foi a solução que uma marca criou para acabar com seus enjoos durante as viagens.

Já pensou você está todo feliz com seu novo carro, viajando, e de repente, começam a vomitar por todo o veículo? Foi pensando em resolver esse problema que os engenheiros da Citroën vêm desenvolvendo soluções para acabar com o enjoo dos passageiros durante viagens.

É normal e a estatística comprova isso, a cada três pessoas, uma sofre com náusea quando está viajando, isso significa que enquanto estão a bordo do carro, não consegue mexer em aparelhos eletrônicos, assistir filme, nem ler livros, jornais, revistas, etc.

Pois fiquem sabendo que isso pode estar chegando ao fim, porque os engenheiros da Citroën estão deixando pra trás todo aquele design refinado dos veículos para darem vida à essa invenção, que recebeu o nome de Seetroën, o que pode ser traduzido como ‘enxergue-troën’.

A engenhoca parece ser bem eficaz, qualquer enjoo pela movimentação do carro acaba em até dez minutos depois que a pessoa começar a usar este ‘produto’.

O enjoo só acontece porque o cérebro recebe informações que entram em conflito sobre a movimentação da pessoa, enquanto isso, o líquido do ouvido informa ao cérebro que o corpo está se movimentando. Normalmente, quando o passageiro olha pra fora do automóvel, o enjoo tende a passar.

A criação nada mais é do que um ‘óculos sem lente’ que possui tecnologia Boarding Ring (anel de embarque), que foi desenvolvida pela empresa francesa Boarding Glasses. A descrição do produto é “anéis preenchidos por líquido azulado que está livre para se movimentar dentro do tubo”.

São quatro anéis que possuemi uma pequena quantidade de líquido dentro, que por conta da gravidade conseguem simular o ângulo e movimentos do horizonte. Sendo assim, quando você está ocupando a visão olhando para algum tipo de objeto de entretenimento próximo à face, a visão periférica registra como o líquido se movimenta e leva isso para o cérebro.

Com a criação desse produto, é possível encontrar compatibilidade entre a informação visual do momento e aquela que vem dos ouvidos, com isso, o cérebro fica satisfeito, o que evita as dores de cabeça, náuseas, dentre outros sintomas.

A grande sacada é que o dispositivo não precisa ser usado durante todo o percurso. Assim que o passageiro coloca o óculos, o cérebro demora cerca de 10 minutos para entender e alinhar os conflitos entre informações, fazendo com que o enjoo não volte até que a viagem termine. A Citroën deve colocar o produto à venda logo mais, pelo preço de 443,00.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.