Cachorro que não conseguia descansar nem sua cabeça por estar acorrentado finalmente é resgatado

Muitas pessoas ao redor do mundo tratam seus animais de estimação como verdadeiros filhos, entretanto, outros os desprezam e até mesmo fazem maldades que cortam o coração de qualquer um, como era o caso do cãozinho Cala, pet de um mecânico em San Jose, Costa Rica. O cachorro foi encontrado acorrentado e mal podia descansar sua cabeça ou respirar, muito magro, foi descoberto que o mecânico poucas vezes o alimentava e não levava o bichinho ao veterinário quando estava doente.

Os vizinhos, indignados quando descobriram aquilo, fizeram uma denúncia à polícia e acionaram o abrigo Território de Zaguates, e Cala finalmente foi liberta. A fundadora do abrigo, Lya Battle, contou que ficou impressionada com o estado que o cão se encontrava: “A foto que vi dela pela primeira vez mostrou uma criatura miserável, roubada de sua dignidade e pronta para desistir – um cão cujo espírito havia sido quebrado e estava apenas esperando o fim enquanto vive um pesadelo sem fim” Ela descreveu o processo de cura como lento, “os humanos ao redor dela ainda tinham que causar sua dor através da cura de suas feridas, especialmente o corte em seu pescoço causado por anos de enforcamento, de uma corrente de metal apertada em volta do pescoço”.

Porém, mesmo no abrigo, ela quase teve um fim trágico, em uma fatídica noite, invadiram o local e mataram 16 cães com salsichas envenenadas, e Cala, mais uma vez, conseguiu sobreviver as atrocidades humanas, mas, agora pode respirar aliviada, pois seus dias de sofrimento finalmente acabaram. Atualmente, Cala foi adotada por uma família que dá ao cachorro todo amor e respeito que ela merece, além de ter ganhado novos amigos.

Foi assim que Cala foi encontrada, quase a beira da morte…

… A cachorra passava dia e noite acorrentada, sem nem conseguir se mexer…

… Quando foi resgatada, estava muito fraca e cheia de ferimentos…

… Cada pedaço de seu corpo era marcado pelas torturas que sofreu durante anos…

… Cala sempre foi tratada indignamente e viu a morte várias vezes…

… Quando chegou ao abrigo, era bastante assustada…

… Além disso, quase morreu envenenada quando invadiram o abrigo. Porém, sua história mudou!

Atualmente, Cala de nada lembra aquele animal sofrido e triste…

… Ela encontrou pessoas que realmente a amam…

… Além disso, fez novos amigos…

… E sabe, finalmente, o que é ser feliz…

… É tão bom ver sua alegria…

… Cala é uma vitoriosa!

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.