Esse é o motivo nas fotos antigas as pessoas apoiavam as mãos nos ombros das outras.

Hoje quase todo mundo possui uma câmera, seja profissional, seja no celular, enfim, com o avanço da tecnologia foi cada dia mais fácil adquirir essa funcionalidade, porém, você já imaginou como era tirar uma foto há 100 anos atrás? Fotografar era extremamente difícil, sem contar os preços que iam lá nas alturas.

Quando pegamos um álbum de fotografias antigo, muitas das fotos as pessoas estarão segurando algum objeto, ou com a mão apoiada em algo, mas, você sabe o motivo delas fazerem isso?

Pode-se pensar que a pessoa estar apoiando a mão no ombro do amigo reflete a intimidade que eles têm, mas não é isso!

Atualmente, fotografar leva uma questão de segundos, mas, logo quando a fotografia surgiu, esse processo durava alguns minutos, ou até mesmo horas. Até as pessoas que tinham um bom preparo físico sabiam que não era uma tarefa fácil.

Se a pessoa que estava sendo fotografada ficasse se mexendo ou mudando de posição, a imagem perderia o foco e todo aquele trabalho iria por água abaixo. Por isso, nos estúdios de fotografia mais antigos, era comum encontrar livros, estantes e até mesmo esculturas grandes para que as pessoas pudessem ficar apoiadas.

Além disso, muitos ficavam envergonhados, por não saberem o que fazer com as mãos enquanto passava pelo processo da fotografia.

Assim, qualquer objeto, até os que aparentemente não tinham importância alguma, eram dados para que essas pessoas pudessem segurá-los.

Nas fotos conjuntas tudo era mais complicado, porque as pessoas não paravam quietas, agitando as mãos compulsivamente. E esta foi uma outra maneira de manter a equanimidade e confiança na hora de tentar fazer um bom retrato.

Portanto, quando ver alguma foto antiga onde as pessoas estão se apoiando uma das outras ou então em objetos, já sabe que era para manter o equilíbrio pelo longo tempo de exposição à câmera.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.