Vida longa? Estudo aponta que ingerir álcool é melhor do que exercícios para viver mais

Já vem de gerações a eterna discussão dos benefícios e malefícios que o álcool traz pra nossa saúde, entretanto, uma nova pesquisa mostra algo surpreendente, que para muitos chega até a ser difícil de acreditar.

A neurologista Cláudia Kawas pontuou em uma apresentação para a Associação Americana para o Avanço da Ciência, em uma conferência que acontece todos os anos, que o álcool, quando consumido regularmente, pode proporcionar um aumento de longevidade.

“Beber dois copos de vinho ou cerveja por dia reduz significavelmente a possibilidade de morte prematura, sendo ainda melhor que se exercitar regularmente”, afirmou a médica.

Isso só pode ser comprovado após um estudo que se iniciou em 2003 no Instituto de Deficiências de Memória e Distúrbios Neurológicos, que foi intitulado de ‘Estudo 90+’, onde as pessoas que possuem um hábito alcoólico apresentaram 18% a menos de chances de sofrer uma morte prematura, enquanto os que se exercitavam de 15 à 45 minutos por dia, houve uma queda de apenas 11%.

Sobre esses números, Cláudia concluiu: “não tenho nenhuma explicação para isso, mas acredito firmemente que o consumo modesto melhora a longevidade”.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.