Fãs de Harry Potter são mais tolerantes e preocupados com as minorias, aponta estudo

 

Quem é você? Há várias maneiras de tentar responder essa pergunta, e analisando o seu gosto literário pode te ajudar nisso, os livros que você lê dizem muito sobre a sua personalidade, foi isso que o Journal of Applied Social Psychology divulgou recentemente.

Com o título de “A maior mágica de Harry Potter: reduzir o preconceito“, o estudo realizado pelo jornal fez uma pesquisa envolvendo a leitura dos livros do bruxo de maior sucesso do mundo entre estudantes com idades distintas. Foi identificado que os leitores das histórias de Harry são mais tolerantes em relação a minorias, como imigração e LGBT.

Na primeira parte da pesquisa, 24 alunos do quinto ano participaram de um curso de seis semanas sobre o mundo de Harry Potter e, ao final, recebiam um questionário. Resultado? Aqueles que demonstraram estar mais abertos a entender sobre os imigrantes da Europa, foram justamente os que mais se interessavam nas aulas.

A outra etapa foi com 17 alunos do ensino médio sobre a questão LGBT. E, mais uma vez, os que mais apresentaram opiniões positivas sobre essa minoria foram justamente os que tinham mais interesse nas aulas.

Na terceira parte da pesquisa, aqueles estudantes que menos gostavam do Voldemort, são os mais preocupados com os refugiados. (Voldemort sonhava com um mundo dominado por bruxos, então é fácil entender essa).

No final do estudo, ficou mais do que provado que o Harry Potter venceu a maior batalha de todas: aquela contra o preconceito! Que sigamos assim.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.