O amor ao redor do mundo: os 20 melhores lugares para se casar em 2018

Mais de 5.000 imagens foram enviadas por fotógrafos de todo o mundo para a edição de 2018 do Concurso de Melhor Fotografia de Casamentos ao Redor do Mundo, organizado pela Junebug Weddings.

Fotos de casamentos, noivados e luas de mel de casais realizados ao redor do mundo, em destinos turísticos irresistíveis foram enviados, mas apenas 50 foram escolhidos para a coleção. As fotos foram julgadas a partir de sua capacidade de mostrar a beleza do um destino turístico e o amor genuíno entre um casal.

Separamos 20 fotografias das cinquenta finalistas abaixo. Confira e não deixe de comentar qual delas você gostou mais!

# 1 Renânia-Palatinado, Alemanha

# 2 Pandawa, Bali, Indonésia

# 3 Eilean Donan Castle, na Escócia

# 4 Veneza, Itália

# 5 Cliffs Of Moher, Irlanda

# 6 Queenstown, Nova Zelândia

# 7 Glen Oaks Big Sur, Califórnia, Estados Unidos

# 8 Isle Of Skye, Reino Unido

# 9 Maui, Havaí, Estados Unidos

# 10 Pura Lempuyang Luhur, Bali, Indonésia

# 11 Snæfellsnes, Islândia

# 12 Jigokudani Valley, Nagano, Japão

# 13 Cartagena, Colômbia

# 14 Lago Di Braies, Itália

# 15 Islândia Oriental

# 16 Santorini, Grécia

# 17 Martinborough, Nova Zelândia

# 18 Bai Tho Mountain, Vietnã

# 19 Porto, Portugal

# 20 Lake Wakatipu, Queenstown, Nova Zelândia

# 21 Snoqualmie Pass, Washington, Estados Unidos

# 22 Seljalandsfoss, Islândia

# 23 Baltimore, Maryland, Estados Unidos

Compartilhe o post com seus amigos!

About Gabriel Pietro

view all posts

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao amplo público brasileiro. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para o Sociologia Líquida, Explicando, Segredos do Mundo, Área de Mulher, Criatives, Razões para Acreditar e Feedty. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.