Essa foto super comovente arrecadou mais de 180 mil reais em um dia

Uma imagem muito comovente rodou a internet nos últimos dias: um garotinho indiano chorando ao lado do corpo do pai, de 27 anos, que faleceu em Delhi após não ter resistido quando a corda que o segurava arrebentou, fazendo com que ele caísse dentro do esgoto. A mídia social da Índias conseguiu levantar em um único dia a incrível quantia de três milhões de rúpias (o que equivale a 180 mil reais).

Segundo levantamento, 100 trabalhadores morrem todos os anos no saneamento da Índia. Os donos dessas empresas alegam que as mortes acontecem, pois esses trabalhadores não recebem os equipamentos necessários. A foto, em primeiro momento, foi compartilhada no twitter de Shiv Sunny, repórter do The Hindustan Time, pois disse que ficou muito abalado com a fotografia.

“Eu sou um repórter criminalista e tenho visto muita tragédia. Mas isso era algo que eu nunca tinha visto.” Sunny disse que tirou a fotografia minutos antes de Anil, ser cremado. “Eu só queria chamar a atenção para as mortes de trabalhadores de esgoto. A foto contou a história da situação da família.” Disse ele na publicação.

A família do homem, muito humilde, não teve como arcar com os custos da cremação e precisou da ajuda de vizinhos. Além disso, quatro meses antes da morte do homem, uma de suas filhas faleceu de pneumonia, pois não tinham como comprar os remédios. Tudo isso conseguiu chamar a atenção da fundação Uday, que levantou fundos para arrecadar dinheiro para ajudar essa família, e o resultado foi surpreendente. inclusive, atores de Bollywood entraram em contato para ajudar.

Sunny também falou com o filho de Anil, que lhe disse que às vezes acompanhava o pai para trabalhar. Segundo a criança, ele “esperava do lado de fora guardando suas roupas e sapatos para que não fossem roubadas por ladrões”. “Meu pai dizia que ainda não era hora de eu entrar nos esgotos”, finalizou o menino de 11 anos.

Enfim, Sunny está esperançoso de que as crianças de Anil possam ir à escola com o dinheiro que foi arrecadado. “Com pessoas oferecendo ajuda, elas podem ter um futuro agora!“, finalizou o repórter.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.