18 fotos inacreditáveis que foram registradas no momento mais perfeito possível

Algumas pessoas acreditam que tudo acontece por uma razão e todas as coisas ao nosso redor desempenham um certo papel em nossas vidas. Se for esse o caso, então, desta vez, o Universo pensou que não há fotos legais suficientes na internet, porque essa parece ser a única explicação para essas fotos inacreditáveis.

Levamos um tempo para entender como era possível tirar essas fotos. Agora é a sua vez de adivinhar.

Quando o ângulo e o timing são perfeitos:

Melhores amigos!

Uma gaivota épica

“Tentei tirar uma foto do pôr do sol enquanto dirigia e um pássaro arruinou totalmente minha foto.

Isso parece algum tipo de cartaz de filme pós-apocalíptico:

“Meu namorado tirou uma foto minha assim que esta gaivota voou”

Como isso é possível?

Quando você está tentando tirar uma bela foto, mas a onda tem outros planos:

A melhor moldura de foto

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Raj Sarkar (@rajsarkar36) em

O gato mais comprido do mundo

Quando você fica está feliz por decidir tirar uma foto ampla à distância:

As trilhas desses aviões

“Eu estava tirando uma foto da minha manteiga de amendoim e peguei minha torrada no meio do salto”

Photobomba!

Isto é o que acontece quando você é muito competitivo:

Nós não temos certeza de quem se sente mais desajeitado agora…

“Eu tirei pelos sapatos”

Um golfinho mostra um albatroz como obter um pouco de ar

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Curta o Criatives no Facebook aqui.

Leia também:

Fonte: Bored Panda

About Gabriel Pietro

view all posts

Gabriel Pietro têm 19 anos, é Web Designer e Criador de Conteúdo do Acervo Ciência, escrevendo diariamente para o site. Já bancou uma de técnico de informática, e ainda banca de astrônomo amador, sua maior paixão. Atualmente gradua-se no curso de Gestão da Informação, na Universidade Federal de Uberlândia, que não sabe se é de exatas ou de humanas. Assim como ele. Também é aficionado por cinema, comics, política, economia, tretas e música indie. Bata tudo isso no liquidificador e tente entender sua cabeça.