Essas 20 fotos mostram um “grandioso” mundo em miniatura que nos leva para outra dimensão.

O designer e fotógrafo japonês Tatsuya Tanaka homenageou a arte das miniaturas em incríveis ilustrações para o seu projeto “Miniature Calendar” (Calendário em Miniatura), uma série de fotografias de dimensões diminutas que trazem uma abordagem vívida e emocionante aos objetos que utilizamos em nosso dia-a-dia.

Tatsuya Tanaka compartilha sua arte através de redes sociais, onde atualiza seu calendário todos os dias.

Veja a galeria de fotos:

1. Caminhões-ovo

2. Quadra-esponja de tênis

3. Rumo ao alho-espaço!

4. Carregamento de café.

5. Biblioteca de grampos

6. Coleta de grãos (de chocolate)

7. Piano Biscôitico

8. Aspirador de leite

9. Capa & Piscina

10. Chuva de bolinhas bidimensionais

11. Rumo aos peixes de fantasia

12. Ilha do Ovo

13. No Pit-stop, a conferir o nível de açúcar (e trocar as rosquinhas)

14. Jogando um boliche em plena escova.

15. Asfalto de frutos-do-mar

Cuidado! Estamos em obras!

16. Ao resgate!

17. Homem-Aranha: De Volta ao Celular

18. Arando o desértico solo de batatas fritas

19. Dia de colher as notas musicais plantadas no mês anterior…

A série de Tatsuya trata-se de um projeto que o artista vem fazendo todos os dias nos últimos 5 anos: O Calendário em Miniatura. Neste ensaio podemos desfrutar de todos os seus dioramas (isto é, modos de apresentações artísticas tridimensionais), onde ele combina sua sagacidade com os objetos mais cotidianos, criando cativantes imagens de um mundo surreal.

Compartilhe o post com seus amigos!

About Gabriel Pietro

view all posts

Gabriel Pietro têm 19 anos, é Web Designer e Criador de Conteúdo do Acervo Ciência, escrevendo diariamente para o site. Já bancou uma de técnico de informática, e ainda banca de astrônomo amador, sua maior paixão. Atualmente gradua-se no curso de Gestão da Informação, na Universidade Federal de Uberlândia, que não sabe se é de exatas ou de humanas. Assim como ele. Também é aficionado por cinema, comics, política, economia, tretas e música indie. Bata tudo isso no liquidificador e tente entender sua cabeça.