Após 5 anos, “Mulher Girafa” tira os anéis de metal do pescoço e mostra como ficou.

As mais diferentes culturas cercam todo o planeta, algumas são bizarras, outras, inclusive, podem ser consideradas crimes em várias partes do mundo, mas, a grande realidade é que toda essa diversidade faz parte de nossa existência e não há nada que possamos fazer para mudar isso.

Abaixo, você vai conhecer uma mulher que fez algo chocante e compartilhou a experiência com todo mundo, ela sempre foi apaixonada por girafas, e foi justamente o pescoço tão alongado deste animal que fez ela ter uma ideia completamente absurda.

Sydney Smith mora na Califórnia, Estados Unidos, e tem 30 anos de idade, e durante os últimos cinco anos usou anel-colar para que seu pescoço se alongasse mais, assim como das girafas, e logo após o período, eles foram removidos.

Na internet, basta procurar por ‘mulher girafa’ que vai encontrar muita coisa sobre ela, pois é assim que ficou conhecida. Essa ‘tradição’ de usar anéis no pescoço vem da tribo Kayan, no sudeste da Ásia. Após todo o processo, seu pescoço alongou.

Ao longo dos cinco anos, foram colocados 15 anéis em seu pescoço, que pesavam mais de dois quilos, até que, finalmente, chegou o dia dela se livrar desses arcos de metal de uma vez por todas.

“Eu não podia ‘trabalhar’ apropriadamente com quinze anéis no meu pescoço”, confessou Sidney à mídia. “A menos que você esteja disposto a se isolar do mundo e não sair de casa, dirigir ou qualquer coisa, então talvez você possa levá-los consigo”, completou.

“Passei cinco anos da minha vida com os anéis em volta do meu pescoço e me tornei muito introvertida e isolada, senti que os anéis faziam parte da minha vida. Sempre foi sobre os anéis, não era mais Sydney”.

Agora, como tudo tem um preço, após esse ‘experimento’, Sydney passa por sessões de terapia duas vezes por semana para tirar de uma vez por todas a rigidez produzida pelo peso dos anéis.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.