Casal adota Puma que foi resgatado de zoológico e felino se tornou um ‘super animal de estimação’

 

 

Aleksandr Dmitriev e Mariya dividem o apartamento com Messi, mas, calma, não é o super craque de futebol, mas sim, um puma adorável e muito mimado que não pode voltar para a vida selvagem após ter sido resgatado de um zoológico em Saransk, em Penza.

Messi foi um dos três irmãos (Neymar e Suarez, todos em homenagem a Copa do Mundo em 2018), que foram vendidos para um zoológico e sofria sérios problemas de saúde que, por conta deles, não podia ficar no zoológico e nem ser solto para a vida selvagem, pois não sobreviveria.

Aleksandr, de 38 anos, sempre sonhou em ter um gato grande: “Ele sempre pensou em ter um lince – nunca um puma. É difícil explicar, mas acreditamos que ter esse puma faz parte do nosso destino”, conta Mariya.

“Tivemos três dias de reflexão sobre se era moral manter um puma e se era senso comum ter um. Mas nada poderia combater o nosso desejo repentino”, disse Mariya, 28, ao Mirror . “Então fomos ao zoológico e iniciamos as negociações para comprar o Messi. Ficamos surpresos quando eles concordaram”.

Ter um animal do porte de Messi não é uma tarefa muito fácil, afinal, precisa de tratamento e cuidados extras, principalmente com veterinário: “ele era bastante fraco e exigia muita atenção”, disse Mariya.

Assim como todo animal de estimação, Messi precisa sair e fazer exercícios: “Ele é como um cachorro. Nós começamos a levá-lo para uma caminhada, passo a passo. O animal não tinha estado realmente ativo antes”, Aleksandr disse em uma entrevista à RT : “Agora nós caminhamos muito duas vezes por dia, como deveria ser. Não difere muito de possuir um cachorro nesse sentido”.

Um adestrador de cão não funcionou para deixar o puma mais ‘domesticado’, um adestrador para animais selvagens também não aceitou o desafio, até que conseguiram uma vaga numa escola de treinamento para cães, em que aceitaram o puma.

“Ele nos convenceu com seu comportamento de que ele é um membro pleno de nossa família e que ele não estaria fazendo nada de mal além de algumas pequenas coisas ruins. Ele é muito gentil e gosta de contato. Ele se dá muito bem com as pessoas ”, conclui Aleksandr.

Messi não pode ser solto na natureza…

… Então, foi adotado por um casal que lhe dá muito amor e carinho…

… E ele se tornou um ‘gatão de estimação’…

… Que deixa a vida de seus donos muito mais felizes!

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.