Esses bebês cabeludos estão conquistando a internet com seus topetes estilosos

O “comum” é que os bebês recém-nascidos nasçam praticamente carecas e com o passar do tempo, desenvolvam cabelo.

Mas nem sempre é assim, e eis onde está a graça da situação. Alguns nenês nascem com bastante cabelo, e chamam muita atenção por onde passam com suas verdadeiras perucas.

Nas fotos que separamos para você, alguns deles nasceram com tanto cabelo que já dá até para fazer os mais variados penteados neles, para o deleite da internet. Confira abaixo algumas jubas que vão fazer muitos adultos morrerem de inveja!

1 – “Minha filha nasceu ontem! Ela tem o cabelo da mãe”

2 – Quando um bebê cabeludo acorda, parece que está mais cabeludo ainda

3 – Ele nunca sofrerá de calvície

4 – “Meu filho aos dois meses”

5 – Crianças ruivas são lindas, imagine cabeludas

6 – Um penteado par arrasar

7 – Ela tem apenas 12 semanas de idade

8 – “Todo mundo achava que meu bebê de dois meses usava uma peruca”

9 – “O cabelo do meu filho está fora de controle para uma criança de 4 meses”

10 – “Como um homem careca, estou muito orgulhoso do cabelo da minha filha de 2 meses de idade”

11 – Ele nasceu com lindos cabelos

12 – Seus cabelos são tão lindos quanto os seus olhos

13 – Esse bebê de poucos meses tem um cabelo de dar inveja

14 – Ela tem quatro meses de idade e seu cabelo não para de crescer

15 – Um bebezinho fofo e cabeludo de apenas 3 meses

Leia tambémCadela e bebê se tornam melhores amigos após animal sofrer maus tratos de antiga família

Compartilhe o post com seus amigos!

Fonte: BrightSide

About Gabriel Pietro

view all posts

Gabriel Pietro têm 19 anos, é Web Designer e Criador de Conteúdo do Acervo Ciência, escrevendo diariamente para o site. Já bancou uma de técnico de informática, e ainda banca de astrônomo amador, sua maior paixão. Atualmente gradua-se no curso de Gestão da Informação, na Universidade Federal de Uberlândia, que não sabe se é de exatas ou de humanas. Assim como ele. Também é aficionado por cinema, comics, política, economia, tretas e música indie. Bata tudo isso no liquidificador e tente entender sua cabeça.