Homem foi reformar sua casa e acabou descobrindo uma cidade subterrânea

Quando você decide reconstruir um edifício, tem que saber o que está derrubando, afinal de contas, qualquer erro de cálculo pode causar sérios danos, principalmente às tubulações, e foi isso que aconteceu na Turquia, em 1960, onde tudo ficou bastante estranho.

Um homem na província de Nevsehir, Capadócia, estava refazendo a sua casa em 1963 quando derrubou a parede de seu porão e teve uma grande surpresa: ele encontrou um túnel.

Na verdade, o que ele encontrou foi uma cidade subterrânea de Derinkuyu, que foi inteiramente construída abaixo da Capadócia, com, aproximadamente, 60 metros de profundidade. A cidade era completa, tinha igrejas, armazéns, adegas, e até mesmo foi encontrada uma escola por lá.

Inicialmente, foi projetada para abrigar 20.000 pessoas, além do número de animais, a cidade foi construída por precaução, com objetivo de abrir a população quando houvesse guerra ou algum tipo de desastre natural por longos períodos de tempo.

Através dessas ilustrações, é possível notar que a igreja estava no nível mais baixo da igreja, pois os cristãos eram perseguidos, por isso ficavam na parte mais baixa da cidade.

Muitas passagens e escadas conectavam a cidade em si, assim como outras pelas redondezas, os túneis eram quilométricos. Ela foi construída durante os séculos 7 e 8 a.C, e usada até meados do século XII.

Quase todas as entradas para Derinkuyu estão bem escondidas, sem contar que muitas portas foram fechadas com grandes pedras. As lojas e indícios de pecuária mostram que a população planejava ficar em Derinkuyu por um longo período de tempo.

Quando as guerras passavam, a cidade toda era usada como um grande armazém. Quando foi descoberta, foi aberta para visitação em 1969 e até hoje é possível visitá-la. Seria um roteiro de viagem bem interessante, não?

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Sempre curioso. Apaixonado por dinossauros, TV e filmes e séries de terror.