Essa mulher registrou o avanço do Alzheimer de sua mãe através de crochês.

A doença de Mal de Alzheimer, também conhecida como esclerose, tem como sua principal característica a perda das funções intelectuais. Seus efeitos, num primeiro instante – geralmente quando a doença é diagnosticada – não parecem ser tão devastadores quanto de fato são.

Pensando nas mudanças que esta doença causa a um paciente, uma internauta de 34 anos, moradora de Camden, nos Estados Unidos, decidiu compartilhar em sua rede social, Reddit, uma foto que retrata muito bem a evolução da doença e como ele afeta um ser humano.

Na foto é possível verificar o quão cruel é a doença. Olhar para a imagem é algo bastante doloroso, uma vez que podemos notar a perda da habilidade motora e consciência ao longo dos anos que seguiram seu diagnostico.

“Tirei esta foto quando encontrei o saco de tudo que ela tinha tricotado depois de ter ficado doente. Desde que foi capaz de fazer isso e que eu soube que sua habilidade estava se esvaindo, esta foi a primeira vez que eu olhei para tudo isso junto. Compilei todos os crochês de uma forma capaz de mostrar a progressão da doença e tirei a foto.

 

 

Ela fez quadrados por um tempo, depois os círculos, depois os pequenos pedaços de crochê, até chegar ao ponto em que ela apenas carregava as agulhas e o fio na bolsa”, escreveu no Reddit. “Já Faz alguns anos desde que ela conseguiu falar pela última vez e vários desde que conseguiu identificar quem eu sou”, contou em sua página.

Após a publicação, a jovem recebeu dezena de mensagens de apoios de diversos internautas que se sensibilizaram com o post. Segundo os comentários, sua mãe possui atualmente 66 anos de idade, o que mostra que essa batalha diária contra o Alzheimer já dura mais de 12 anos.

 

About Bianca Camargo

view all posts

Jornalista apaixonada por inovação, criatividade, design e arte. Nômade digital, viciada em internet, ama viajar e conhecer novas culturas!