10 descobertas que farão você ter certeza de que sua infância foi uma mentira

Quando somos pequenos acreditamos em muitas coisas, principalmente naquelas que vemos, que temos contato, que somos mais próximos. Crescemos ouvindo músicas, assistindo televisão, conhecendo lugares, e tendo a certeza de que não será enganado.

Porém, saiba que muitas coisas que aconteceram na nossa infância, simplesmente não são verdades, veja 10 descobertas que farão você ter certeza de que sua infância foi uma mentira:

01. O guarda chuva da Madona, não era a Madona
Basta olharmos para a imagem que veremos que não se trata da idolatrada cantora.

02. A Vovó Mafalda era HOMEM
Valentino Guzzo era quem dava vida à personagem.

03. Papai Papudo era o Gibe, ator conhecido pelas pegadinhas do Programa Sílvio Santos

04. A Pópis não era nada mais e nada menos que a Dona Florinda
Ambas interpretadas maravilhosamente bem por Melinda Meza.

05. O golpe especial do Guile, do Street Fighter, NÃO era “alec full” — e sim “sonic boom”
A segunda versão do jogo (que aparece na sequência do vídeo abaixo) deixa isso claro.

06. Danoninho é QUEIJO
Queijo não maturado, do tipo petit suisse

07. O Cascão tem dedos nos pés

08. A letra da música da Daniela Mercury NÃO é “jogue suas tranças de mel, Rapunzel”, mas sim “love suas transas de mel”
Essa me enganou a vida inteira.

09. Angélica não ia de Táxi, pois a música não é dela
A música é uma adaptação da canção francesa “Joe Le Taxi”, de Vanessa Paradis.

10. O Falcor, da “História Sem Fim”, NÃO era um cachorro gigante voador, mas sim um dragão peludo.

About Rafael d'Avila

view all posts

Publicitário. 22 anos. Morador de São José dos Campos. Muito curioso e pouco ansioso, ou vice-versa. Apaixonado por comida, escrever, internet e séries e filmes de terror.